Livros - A Segunda Guerra Mundial

Muita gente, assim como eu se emociona com histórias sobre a Segunda Guerra Mundial e se você é uma delas, vai adorar esse post.
Quando leio ou assisto algo sobre o assunto, já fico pensando em como o mundo chegou nesse ponto e sempre me emociono com essas histórias. Meu sonho é conhecer o Campo de Concentração de Aushchwitz, mas não sei como eu realmente me sentiria nesse lugar, por isso, acho que meu psicológico deve estar muito bem preparado para uma viagem dessas.
Pensando em tudo isso, hoje, eu trouxe para vocês os meus livros preferidos sobre esse período tão triste para a nossa história. Alguns deles são sobre a guerra e outros apenas ambientados durante ela.

A Menina Que Roubava Livros


Quando a Morte conta uma história,
você deve parar para ler.
A trajetória de Liesel Meminger é contada por uma narradora mórbida, porém surpreendentemente simpática. Ao perceber que a pequena ladra de livros lhe escapa, a Morte afeiçoa-se à menina e rastreia suas pegadas de 1939 a 1943. Traços de uma sobrevivente: a mãe comunista, perseguida pelo nazismo, envia Liesel e o irmão para o subúrbio pobre de uma cidade alemã, onde um casal se dispõe a adotá-los em troca de dinheiro. O garoto morre no trajeto e é enterrado por um coveiro que deixa cair um livro na neve. É o primeiro de uma série que a menina vai surrupiar ao longo dos anos. Essa obra, que ela ainda não sabe ler, é seu único vínculo com a família.
Assombrada por pesadelos, ela compensa o medo e a solidão das noites com a cumplicidade do pai adotivo, um pintor de parede bonachão que a ensina a ler. Em tempos de livros incendiados, o gosto de roubá-los deu à menina uma alcunha e uma ocupação; a sede de conhecimento deu-lhe um propósito.
A vida na rua Himmel é a pseudorrealidade criada em torno do culto a Hitler na Segunda Guerra. Ela assiste à eufórica celebração do aniversário do Führer pela vizinhança. Teme a dona da loja da esquina, colaboradora do Terceiro Reich. Faz amizade com um garoto obrigado a integrar a Juventude Hitlerista. E ajuda o pai a esconder no porão um jovem judeu que escreve livros artesanais para contar a sua parte naquela história. A Morte, perplexa diante da violência humana, dá um tom leve e divertido à narrativa desse duro confronto entre a infância perdida e a crueldade do mundo adulto, um sucesso absoluto — e raro — de crítica e público.


O Menino do Pijama Listrado


 Bruno tem nove anos e não sabe nada sobre o Holocausto e a Solução Final contra os judeus.Também não faz idéia de que
seu país está em guerra com boa parte da Europa, e muito menos de que sua família está envolvida no conflito. Na verdade,
Bruno sabe apenas que foi obrigado a abandonar a espaçosa casa em que vivia em Berlim e mudar-se para uma região
desolada, onde ele não tem ninguém para brincar nem nada para fazer. Da janela do quarto, Bruno pode ver uma cerca, e, para além dela, centenas de pessoas de pijama, que sempre o deixam com um frio na barriga.
Em uma de suas andanças Bruno conhece Shmuel,um garoto do outro lado da cerca que curiosamente nasceu no mesmo
dia que ele. Conforme a amizade dos dois se intensifica, Bruno vai aos poucos tentando elucidar o mistério que ronda as
atividades de seu pai. 'O Menino do Pijama Listrado' é uma fábula sobre amizade em tempos de guerra, e sobre o que acontece quando a inocência é colocada diante de um monstro terrível e inimaginável.

O Diário de Anne Frank


O depoimento da pequena Anne Frank, morta pelos nazistas após passar anos escondida no sótão de uma casa em Amsterdã, ainda hoje emociona leitores no mundo inteiro. Seu diário narra os sentimentos, os medos e as pequenas alegrias de uma menina judia que, como sua família, lutou em vão para sobreviver ao Holocauto.
Lançado em 1947, O diário de Anne Frank tornou-se um dos livros mais lidos do mundo. O relato tocante e impressionante das atrocidades e dos horrores cometidos contra os judeus faz deste livro um precioso documento e uma das obras mais importantes do século XX.

Dia D - A Batalha Pela Normandia


Dia D é o primeiro relato detalhado desta grandiosa operação que definiu a Segunda Guerra Mundial. E é uma obra imponente: Beevor, autor de Stalingrado e Berlim 1945, soube trabalhar com a grande quantidade de informações já conhecidas e ainda apresentar algumas surpresas a respeito desse dia que foi considerado pelos Aliados um dos mais importantes da guerra.

 Tudo o Que Eu Tenho Levo Comigo


Fim da guerra, 1945. Para a minoria alemã na Romênia é o início de um período de horror e silêncio. Nos cinco anos seguintes, por volta de 30 mil saxões residentes na Transilvânia foram deportados para campos de trabalhos forçados. Segundo Stálin, os povos de origem alemã deveriam pagar pelos crimes da guerra e trabalhar na reconstrução da União Soviética. Os campos caracterizaram-se por condições desumanas e insalubres, e os ex-internos preferiram esquecer o que aconteceu ali.
Parte dessa minoria alemã, Herta Müller tomou o relato de um amigo, o poeta Oscar Pastior, como base para este romance sobre a dura experiência nos campos. O projeto que deveria ser realizado a quatro mãos foi interrompido com a morte de Pastior, e Müller o assumiu sozinha. O resultado é essa narrativa dolorosa, construída com uma escrita altamente poética, seca e pungente.Trata-se da história de Leo Auberg, um jovem de dezessete anos, gay, que é internado num campo soviético. Ali ele convive com a fome, trabalhos forçados, doenças, solidão e morte. Cinco anos depois, Leo volta para casa, mas percebe que tal retorno é impossível.


Jardim de Inverno


Meredith e Nina Whiston são tão diferentes quanto duas irmãs podem ser. Uma ficou em casa para cuidar dos filhos e da família. A outra seguiu seus sonhos e viajou o mundo para tornar-se uma fotojornalista famosa. No entanto, com a doença de seu amado pai, as irmãs encontram-se novamente, agora ao lado de sua fria mãe, Anya, que, mesmo nesta situação, não consegue oferecer qualquer conforto às filhas. 
A verdade é que Anya tem um motivo muito forte para ser assim distante: uma comovente história de amor que se estende por mais de 65 anos entre a gelada Leningrado da Segunda Guerra e o não menos frio Alasca. Para cumprir uma promessa ao pai em seu leito de morte, as irmãs Whiston deverão se esforçar e fazer com que a mãe lhes conte esta extraordinária história. 
Meredith e Nina vão, finalmente, conhecer o passado secreto de sua mãe e descobrir uma verdade tão terrível que abalará o alicerce de sua família... E mudará tudo o que elas pensam que são.


Agora quero saber de vocês, se já leram algum desses livros ou se também se emocionam com o tema.

40 comentários:

  1. o primeiro livro é maravilhosos,já li e amei,os outros ainda não conhecia,beijos.

    www.blogdamaryoficial.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Really interesting selection dear :) I love the Diary of Anne Frank.
    I've read it a lot of times.

    http://angolodellamisantropia.blogspot.it/

    ResponderExcluir
  3. Fiquei com vontade de ler todos! Só conheço três de nome, mas agora fiquei com mais vontade ainda de ler.
    Eu também tenho vontade de conhecer o campo de concentração!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  4. A menina que roubava livros é demais, tanto o livro quanto o filme. O menino do pijama listrado só vi o filme, mas ainda quero ler direito a história.. deve ser ainda mais emocionante!

    beeeijo :**

    ResponderExcluir
  5. São livros magníficos... beijinhos <3

    http://my--ownstyle.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  6. Oi Carol, tudo bem?
    Tenho muita vontade de ler A Menina Que Roubava Livros, gostei muito da sua indicação! =)
    Eu assisti o Menino de Pijama Listrado e gostei muito, é um ótimo filme, com uma história muito boa. Inclusive, até fiquei com vontade de assistir ele novamente...

    Amore, tem post novo no blog, te convido a ir conferir!

    Beijos
    Amanda Z.
    www.diariodelooks.com

    ResponderExcluir
  7. Adorei conhecer cada partilha
    Beijinhos
    CantinhoDaSofia /Facebook /Intagram
    Tem post novos todos os dias

    ResponderExcluir
  8. Cheguei a conclusão de que não leio nada! hahahaha achei os livros ótimos, mas nunca li nenhum deles. bjuxxxx
    www.taayvargas.com

    ResponderExcluir
  9. Você selecionou livros incríveis, já li alguns e amei muuuito! ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  10. O Aussie é mara, né?! ;)

    Já li A Menina Que Roubava Livros e O Menino do Pijama Listrado!

    Ótima terça!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  11. Amei os escolhidos, desses já li o diário da Anne Frank e nunca consegui terminar A menina que roubava livros. Quero ler o jardim de inverno
    beijos
    http://lolamantovani.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi Carol,
    Eu já li os cinco primeiros e último já foi para minha lista de favoritos. Apesar do tema triste eu gosto muito de ler e sempre me emociono.
    Bjs❤
    Abrir Janela

    ResponderExcluir
  13. Adoro a Garota que roubava livros!!


    Beijos da Nati
    www.oxifalei.com.br
    Snap: nath.thamires

    ResponderExcluir
  14. Que vergonha!!
    Não li nenhum Carol!! xD
    Mas, no meu trampo tem A Garota que roubava livros e do pijama listrado para alugar. :)

    Um beijo,

    www.purestyle.com.br

    ResponderExcluir
  15. Eu assisti o filme o menino do pijama listrado é lindo, o livro não li mas deve ser bom. Beijos http://pausaparaomake.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. É tão triste né? Eu também me emociono bastante com essas histórias.
    Eu acho que não tenho estrutura para conhecer o campo de concentração não. Tem que ser muito forte para isso!
    Desses livros que postou, conheço "O menino do pijama listrado", "A menina que roubava livros" e "O diários de Anne Frank". Não queria acreditar que tudo isso aconteceu. Chorei horroooores.
    Coisas que não queremos acreditar, mas basta olhar para a época em que vivemos hoje e ver quantas crueldades acontecem, e olha que nem todas se tornam públicas. Imagina então naquela época que não tinha essa veiculação que tem hoje. Exploravam e atacavam mesmo de todas as formas que dava. Triste demais!

    Beijos, Mi
    www.triicotando.com

    ResponderExcluir
  17. Eu assisti os 2 primeiros livros que você postou, a Menina Que Roubava Livros e O Menino do Pijama Listrado. Amei esses 2 livros.
    Beijos.

    www.deliriosdeconsumista.com.br

    ResponderExcluir
  18. Ainda não lemos nada com esse tema, mas queremos muito ler O Diário de Anne Frank!!!

    beijos

    onlyinspirations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Dicas maravilhosas dos livros, tenha uma semana abençoada, obrigado pela visita.
    Blog:https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderExcluir
  20. Já li o primeiro e adorei :) Boas dicas, adorei!
    Boa semana!

    http://missweetie.blogspot.pt/2016/10/revelacao-by-sweetie-mes-de-setembro.html

    ResponderExcluir
  21. Dicas preciosas de livros, amo A menina que roubava livros é um dos meus preferidos da vida.

    Beijos
    https://pimentasdeacucar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Adoro livros que se passam nessa época! A Menina que Roubava Livros é o meu livro preferido. Já assisti O Menino do Pijama Listrado e tenho muita vontade de ler. O Diário de Anne Frank também está na minha lista.
    Cheiro de Pipoca

    ResponderExcluir
  23. As guerras em si conseguem realmente me emocionar. Eu amei a lista que você fez de livros, alguns eu conhecia, outros não, e alguns entraram para minha lista. Tenha um dia abençoado, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    paisagemdejanela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  24. Já li todos os livros citados e são maravilhosos, são leituras ricas.
    Art of life and books

    ResponderExcluir
  25. Já li "A menina que roubava livros" e "O diário de Anne Frank", e amei!
    Ótimo post!

    Um beijo.
    www.anneabreu.com.br

    ResponderExcluir
  26. Oi Carol todos selecionados são muito interessantes e me despertou a vontade de ler da maneira que foi escrita cada sinopse, são todos muito cheio de emoções e descobertas que nos surpreende!
    Beijos
    http://detudoumpoucosil.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  27. Jardim de inverno e a menina que roubava livros são um dos meus preferidos.
    Beijinhooos. ❤
    www.amordeluaazul.com.br

    ResponderExcluir
  28. Um monte de livro maravilhoso! Tenho vontade de ler o Diário de Anne Frank completo, apenas li alguns trechos.
    bjs
    blogtrashrock.com

    ResponderExcluir
  29. Anne Frank meu deus que livro !!!!
    elisaumarapariganormal.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  30. Eu tento não pensar muito, pois fico imaginando coisas, se isso pode voltar a acontecer, entre outras coisas, mas em livros eu tenho vontade de ler os dois primeiros.

    Blog Marcy Moraes

    ResponderExcluir
  31. OI CAROL

    infelizmente eu só li dois livros da sua lista, mas um em especial mexeu mesmo comigo :(
    O menino do pijama listrado (tanto filme, quanto livro) é muito emocionante, principalmente pela amizade verdadeira que as crianças conseguem estabelecer por não ter as birras e bobagens dos adultos. Ensina de fato uma grande lição.
    Nem precisa falar de A menina que roubava livros, né? Muito lindo e poético.

    beijo
    beinghellz.com

    ResponderExcluir
  32. Nossa, que sortuda :D Obrigado!!!

    eu adoro livros de história. Para mim, o Diário de Anne Frank é um dos livros da minha vida :D

    NEW GET THE LOOK POST | Look Good On Rainny Days.
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderExcluir
  33. Também tenho muita vontade de conhecer o Campo de Concentração de Aushchwitz. Na verdade tudo sobre a segunda guerra me atrai. Dos livros que você citou, eu só não li os três últimos.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    ResponderExcluir
  34. oi tudo bem?

    Flor, eu só tenho o livro a menina que roubava livros, quero muito
    o menino do pijama listrado e Anne Frank. Eu gosto de livros que aborda a segunda
    guerra mundial, não tenho uma paixão em me aprofundar do assunto, mas gosto de saber
    um pouco sobre. adorei o post beijos

    Taynara Mello | Indicar Livros
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
  35. Nunca na vida eu vou ler O Menino do Pijama Listrado, quase morro de chorar com o filme e imagina com o livro, ler? jamais kkk

    nayanemartins.com

    ResponderExcluir